ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa
Av.ª das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa
Tel: 217 903 000
Fax:217 964 710
geral@iscte.pt
www.iscte-iul.pt

O ISCTE-IUL foi criado em 1972, com cursos nos domínios da sociologia e da gestão, com o objetivo de constituir uma nova instituição de ensino universitário no quadro da “reforma Veiga Simão”. Ao longo dos anos o ISCTE-IUL desenvolveu-se em dimensão e abrangência completando as suas áreas científicas.

Em 1997, o ISCTE-IUL integra a Fundação das Universidades Portuguesas e em 2005, o Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas (CRUP).

Em 2009, mantendo o seu caráter de universidade pública, o ISCTE-IUL passa a ser uma das três universidades que optaram pelo regime de Fundação Pública, gerida em direito privado. A par desta mudança, o instituto muda também a designação para ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa.

Em 2010 adquire uma nova estrutura organizacional baseada na existência de dezasseis departamentos e quatro escolas: ECSH – Escola de Ciências Sociais e Humanas / ESPP – Escola de Sociologia e Políticas Públicas / IBS – ISCTE Business School / ISTA – Escola de Tecnologias e Arquitetura.

Mensagem da Reitora

O Iscte cresceu como espaço pluridisciplinar, através do cruzamento e do desenvolvimento dos seus campos disciplinares fundadores. Hoje somos uma instituição universitária única no panorama de ensino superior em Portugal. O diálogo entre as áreas científicas das nossas escolas – Ciências Sociais e Humanas, Gestão, Sociologia e Políticas Públicas, Tecnologias e Arquitetura – é gerador de oportunidades únicas.

A complexidade dos desafios que hoje enfrentamos, da globalização à transformação digital, das alterações climáticas às desigualdades sociais, económicas e territoriais, exige a mobilização do conhecimento produzido em todas as áreas disciplinares. Nenhuma disciplina científica, por si só, produz conhecimento suficiente para resolver qualquer daqueles problemas. Precisamos de continuar a produzir conhecimento especializado em todos os campos disciplinares, das ciências fundamentais às aplicadas, das ciências sociais às ciências naturais, das tecnologias às artes. Porém, precisamos também, hoje mais do que nunca, de desenvolver trabalho colaborativo pluridisciplinar, de construir pontes que liguem e articulem os vários saberes.

Ao longo das últimas cinco décadas, o Iscte cresceu também como espaço plural, promotor de inclusão e diversidade. Este traço distintivo revela-se na capacidade de integrar todos os que querem estudar, acolhendo estudantes nacionais e internacionais, jovens e adultos, e cultivando e estimulando práticas de proximidade.
Em 2019, lançámos duas novas áreas de ensino e investigação: a Ação Humanitária e a Ciência de Dados. Em ambos os casos, tivemos a preocupação de responder aos desafios do nosso tempo, potenciando e cruzando capacidades, competências e saberes disponíveis no Iscte. É este o caminho que privilegiamos: crescer por via de iniciativas pluridisciplinares, sobretudo nos níveis pós-graduados de ensino, articulando diferentes áreas de conhecimento.

A minha proposta, enquanto Reitora, é que, no desenvolvimento de novas iniciativas nos domínios do ensino e da investigação, dêmos prioridade às escolhas do diálogo interdisciplinar e da abertura ao mundo global, valorizando a relevância social do nosso contributo. Só assim poderá o Iscte continuar a ser um espaço para crescer e para inovar.

Um espaço para todos – funcionários, professores, investigadores e estudantes, que fazem a comunidade Iscte.

Professora Doutora Maria de Lurdes Rodrigues