Universidade de Coimbra

universidade_coimbra
Universidade de Coimbra
Paço das Escolas
3004-531 Coimbra
Tel: 239 859 810
Fax: 239 859 813
gbreitor@uc.pt
www.uc.pt

Ao assinar o “Scientiae thesaurus mirabilis”, D. Dinis criava a Universidade mais antiga do país e uma das mais antigas do mundo. Datado de 1290, o documento dá origem ao Estudo Geral, que é reconhecido no mesmo ano pelo papa Nicolau IV. Um século depois do nascimento da nação, germinava a Universidade de Coimbra. Começa a funcionar em Lisboa e em 1308 é transferida para Coimbra, alternando entre as duas cidades até 1537, quando se instala definitivamente na cidade do Mondego.

Inicialmente confinada ao Palácio Real, a Universidade espraiou-se por Coimbra, modificando-lhe a paisagem, tornando-a na cidade universitária, alargada com a criação do Pólo II, dedicado às engenharias e tecnologias, e de um terceiro Pólo, devotado às ciências da saúde. Estudar na Universidade de Coimbra (UC) é dar continuidade à história da matriz intelectual do país, que formou as mais destacadas personalidades da cultura, da ciência e da política nacional.

Com mais de sete séculos, a Universidade de Coimbra conta com um património material e imaterial único, peça fundamental na história da cultura científica europeia e mundial. Um património que a UC candidatou a Património Mundial da UNESCO.

Amilcar Falcão i

Mensagem do Reitor

A Universidade de Coimbra é um espaço de pluralidade e multiculturalidade, um local onde todos são bem-vindos, proporcionando um contexto adequado para a aprendizagem, a descoberta e a transformação do mundo atual.
Pelo seu prestígio internacional, a qualidade reconhecida do corpo docente e das formações ministradas, a forte aposta na inovação, produção e partilha de conhecimento e a promoção de diversas iniciativas associativas, artísticas, cívicas, culturais, desportivas e recreativas, a Universidade de Coimbra assume-se como protagonista da nobre missão de construir uma sociedade verdadeiramente baseada no conhecimento.
Mas a Universidade de Coimbra é, sobretudo, para todos os que a constituem e que com ela interagem, uma experiência de vida ímpar, intensa, marcante, que determina um espírito de pertença muito forte e dificilmente igualável.

Professor Doutor Amílcar Falcão