Mensagem do Presidente

É com grato prazer que lhe dou as boas-vindas à página do CRUP, entidade representativa e coordenadora de 16 instituições portuguesas de ensino superior.

Fui eleito presidente do CRUP num momento histórico particularmente complexo e desafiante. Fenómenos como a 4.ª revolução industrial, a transformação digital, a descarbonização energética, a automatização laboral ou os avanços biomédicos estão a ter um forte impacto no ensino superior e a abrir novas oportunidades científicas e tecnológicas para as suas instituições.

A vertigem disruptiva em que se encontra o mundo acentua a importância do ensino superior para um desenvolvimento mais inteligente, inclusivo e sustentável. Pela sua dimensão histórica, humanística e cultural e pelos seus ecossistemas de ciência, tecnologia e inovação, as universidades são atores fundamentais na transição para modelos de sociedade em que o conhecimento é a principal energia transformadora.

Nas duas últimas décadas, as universidades portuguesas registaram significativos progressos nos três pilares da sua missão (criação de saber, transmissão do conhecimento e interação com a sociedade) e aprofundaram os seus níveis de internacionalização, subiram nos rankings internacionais de referência e acederam às redes europeias de conhecimento. Desta forma, o ensino superior impulsionou o desenvolvimento material e imaterial do país e reforçou a sua projeção internacional, num período marcado pela instabilidade socioeconómica.

A modernização do ensino superior é estratégica para Portugal. Não só pelas perspetivas de crescimento económico que a qualificação humana e a evolução técnico-científica pressupõem, como também pelos seus benefícios para a vida pública do país. Cidadãos qualificados tendem a ser mais conscientes do seu papel social e das suas responsabilidades cívicas. A educação promove uma mundivisão mais informada e refletida, com efeitos positivos na participação democrática, na cidadania ativa, na identidade cultural e na integração social.

Por tudo isto, o CRUP está empenhado em contribuir para a adoção de políticas públicas que valorizem a educação, a ciência e a cultura. Ontem como hoje, somos um parceiro de referência na governação do ensino superior. O CRUP dispõe da massa crítica, do conhecimento e da experiência que lhe advêm da representação institucional das maiores universidades portuguesas, sendo por isso capaz de apoiar superlativamente a definição de estratégias e investimentos para o ensino superior.

Assumimos um compromisso com o futuro do país e estamos a cumpri-lo, através de uma ação coordenada, integrada e sinérgica dos inúmeros fatores de excelência das instituições que o CRUP representa.

António de Sousa Pereira

Presidente do Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas

Presidentes do CRUP

1983 1985 Porto Luís António de Oliveira Ramos
1985 1985 UTL Eduardo Romano Arantes e Oliveira
1986 1987 UTL António Simões Lopes
1987 1989 UNL José António Esperança Pina
1989 1991 Aveiro Joaquim Renato Ferreira de Araújo
Set 1991 Jul 1998 Minho Sérgio Machado dos Santos
Jul 1998 Dez 2000 Aveiro Júlio Pedrosa
Dez 2000 Jul 2005 Algarve Adriano Pimpão
Jul 2005 Fev 2007 UTL José Dias Lopes da Silva
Fev 2007 Fev 2010 Coimbra Fernando Seabra Santos
Fev 2010 Out 2014 UNL António Manuel Bensabat Rendas
Out 2014 Out 2017 Minho António Augusto Magalhães da Cunha
Out 2017 Out 2020 UTAD António Fontainhas Fernandes
Out 2020 Porto António de Sousa Pereira